[ editar artigo]

Lucro X Faturamento

Lucro X Faturamento

Alguma vez você já se deparou com alguma notícia informando que X empresa faturava Y milhões por mês e ficou admirado com aquele valor?

Muitas vezes, alguns podem achar que o valor do faturamento de um negócio representa um dinheiro que está indo direto para o bolso do empreendedor, mas não é bem assim que as coisas funcionam. 

Para explorar melhor o assunto, vamos entender a diferença entre Faturamento e Lucro: duas métricas muito importantes no mundo dos negócios e que ainda geram muita confusão. 

Quando uma empresa está faturando muito não significa necessariamente que ela esteja lucrando, estamos falando de coisas diferentes.

Vamos lá: 

Faturamento

O faturamento é o quanto uma empresa vendeu. O quanto de dinheiro entrou em seu empreendimento a partir da venda de produtos ou serviços. A receita que foi gerada no mês, trimestre, ou ano. 

Lucro

O lucro é todo o valor que sobra do montante arrecadado pelas vendas depois de deduzidos os impostos, as despesas, as contas — isto é, todas as obrigações que um negócio precisa pagar (folha de pagamento de funcionários, fornecedores, produção, aluguel, luz, manutenção etc.).

Outro ponto que deve ser considerado nesse assunto são os custos variáveis que uma empresa tem, pois eles também impactam no lucro de um negócio. 

E o que são os custos variáveis?

São as despesas que surgiram a partir de uma demanda específica. Vamos pensar, por exemplo, em uma empresa de móveis. Ela já tem um local específico para desempenhar seus serviços, e tem um valor fixo de gastos com funcionários, contas e tudo mais. Agora, se essa mesma empresa decide fazer um novo lançamento, ela terá despesas extras como gastos a mais com marketing, funcionários temporários, etc.

Logo, esses itens representam os custos variáveis. Isso porque eles podem mudar conforme o ritmo e os níveis de produção do empreendimento.

Mas quando o assunto é lucro precisamos saber que também existe uma diferença, pois podemos estar nos referindo ao Lucro Bruto ou ao Bruto Líquido.

Lucros bruto e líquido

O lucro bruto é o resultado da diferença entre o faturamento do período e os custos variáveis. Enquanto o lucro líquido subtrai a soma de todas as despesas (fixas, variáveis, impostos e afins) do faturamento. Ele é o valor que, efetivamente, sobra na conta da empresa e pode ser aplicado no  desenvolvimento e investimento do negócio.

Podemos sintetizar faturamento como o quanto você vendeu e o lucro como o quanto sobrou. 

Uma empresa só cresce vendendo mais e faturando mais, porém, de nada adianta faturar mais e também gastar mais.

Uma empresa com uma saúde financeira boa é uma empresa que fatura bem, mas que também lucra bem. 

E como fazer isso? 

O faturamento é uma métrica do comercial, então se você não está faturando bem você está com problema no comercial da sua empresa. 

Uma empresa pode sim estar vendendo bem, aumentando o seu faturamento mês a mês, e ainda assim fechar no vermelho, pois isso depende de muitas variáveis. Essa questão vai envolver cálculo de preço, a sua compra de produtos etc.

Lucro tem a ver com gestão, e faturamento com o comercial. 

Se você tem uma empresa que está faturando muito e lucrando pouco você tem um problema de gestão. 

Alta lucratividade sem dúvida é uma busca constante, especialmente porque com lucro, é possível reinvestir no negócio e só assim crescer. Porém, é muito comum que essa preocupação fique focada somente no crescimento do faturamento, e esse é um erro sério que pode impactar de forma negativa o sucesso e o desenvolvimento de uma empresa.

Mesmo que nem todo mundo enxergue por essa perspectiva, uma empresa tem a função principal de gerar riquezas para todas as partes que a envolvem, como seus funcionários, sócios, clientes, fornecedores e governo. 

E quando uma empresa não consegue ser sustentável, no sentido de se sustentar, pagar as próprias contas, ela passa a gerar um fluxo negativo para toda essa cadeia que depende dela, causando prejuízos a todos os envolvidos.

É nesse sentido que queremos destacar a importância de se saber a diferença entre faturamento e lucro, não apenas por parte de quem vê a empresa de fora, mas também de quem a faz funcionar.  

Um empreendimento precisa ter um conhecimento detalhado e profundo do seu faturamento, bem como dos seus custos e despesas, para poder dessa forma, enxergar seu verdadeiro lucro ou prejuízo. 

Ter um profissional que atue ativamente na gestão financeira da empresa é fundamental, afinal não dá para administrar uma empresa de maneira bem sucedida sem informações básicas como o resultado que ela gera. Só assim podemos tomar decisões estratégicas, como comprar ou vender mais ou, por exemplo, fazer novos investimentos. 

Não importa se você tem uma pequena ou grande empresa. Se fatura cinco mil reais ou cem mil reais por mês. Toda corporação precisa saber essa informação. Ter um panorama concreto do valor que está entrando e saindo. 

Você sabia quais eram as diferenças entre esses termos?

Agora quando você ouvir ou por ver por aí que “empresa tal faturou X milhões de reais” já sabe que isso não tem a ver com o valor que essa empresa está lucrando. 

É sempre importante que estejamos dispostos a olhar para a realidade empreendedora do Brasil com cuidado e principalmente buscando entender como ela funciona.

 Você prefere ter uma empresa que fatura 100 milhões e lucra 1 milhão por ano, ou uma empresa que fatura 5 milhões e lucra 3 milhões? Tecnicamente a segunda opção é a melhor: uma empresa que fatura menos, mas, lucra mais. 

Você gostaria de saber mais sobre esse assunto?

Queremos saber também o que você tem para compartilhar conosco.

Escrito por: Arantxa Torquato.



 

COMUNIDADE EFEITO ORNA
Ler matéria completa
Indicados para você