[ editar artigo]

5 dicas para começar a produzir conteúdo

5 dicas para começar a produzir conteúdo

 

Muitos são os motivos que fazem valer a pena começar a produzir conteúdo. Ele traz autoridade, mostra que você tem conhecimento, e, dependendo do seu objetivo, pode gerar vendas. Se você quer muito começar a produzir conteúdo, mas não sabe por onde começar… aqui vão 5 dicas que aprendi com a prática! 

 

1. Comece (ou vai ou voa)

A nossa mente cria diversas barreiras para evitar que a gente compartilhe um conteúdo, e um deles é o de achar que todo mundo já sabe o que você sabe. Mas isso é uma grande mentira! O que é óbvio para você, não é óbvio para todo mundo. Quem já sabe, não vai se importar em ver seu conteúdo, e quem nao sabe, vai ficar grato por aprender algo novo com você. 

 

2. Não tenha medo de compartilhar o que sabe

Muitas vezes também já tive medo de compartilhar algo por estar ensinando o que aprendi, e assim, aumentar a concorrência de pessoas que fazem o mesmo que eu. Mas aprendi duas coisas nisso: 

Quanto mais livremente você der seus talentos para o benefício de outros, mais ganhará;

Ninguém fará as coisas como você faz. E isso basta!

 

3. Feito é melhor que perfeito 

Querer fazer algo bom já me paralisou ao ponto de não fazer nada. A prática nos ajuda a melhorarmos constantemente. Se você nunca começar, nunca vai melhorar. O que é melhor: um projeto que não está perfeito, mas está alcançando pessoas, ou aquela ideia brilhante que nunca saiu do papel? #prarefletir

 

4. Escolha um nicho 

Quanto mais específico for seu conteúdo, melhor. Atualmente, com o excesso de informações que chegam até nós, é muito difícil ver todos os conteúdos sobre todos os assuntos. Por isso, as bolhas sociais são cada vez mais comuns: cada um procura pelos assuntos que lhe interessa. Escolher um nicho vai te ajudar, já que será mais fácil escolher os temas e se especializar no conteúdo, te fazendo ganhar autoridade; e também facilitará para achar uma audiência que se identifique com seu contéudo. 

 

5. Tenha referências 

É muito difícil ter uma ideia do zero. Por isso, ter referências é essencial. Aqui, indico o livro do autor Austin Kleon - Roube como um Artista. Procure por inspirações, pessoas que tem um trabalho que você admira (tanto internacionalmente quanto próximas a você)… e crie sua própria identidade. Para isso, também é importante você sair da sua bolha social, fazer as mesmas coisas de formas diferentes… exercite sua criatividade. (Lembre-se: criatividade é prática).

 

Com constância (produzir conteúdos com frequência) + autenticidade (não ser uma cópia, e sim fazer o melhor que pode, do seu jeito), você será referência para o seu nicho. Ah! E você pode pensar que muitas pessoas já fazem o que você faz, e que será difícil ter o seu espaço, né? Antes de tudo: a internet é um mar aberto e tem espaço para todo mundo. Não pense em competição, e sim em colaboração. E outra boa forma de ser referência: ser inspiração para quem está perto de você. 

 

COMUNIDADE EFEITO ORNA
Silvana Maurílio
Silvana Maurílio Seguir

Acadêmica de jornalismo. Redatora e Social Media.

Ler conteúdo completo
Indicados para você